6 ferramentas para criar e-books

ferramentas-para-criar-ebooks

Escrever e criar um e-book pode ser uma ótima maneira de alcançar um público mais amplo e conquistar seguidores leais. E conhecer algumas ferramentas para criar e-books ajuda nesse processo.

Você, que quer conhecer ferramentas para criar e-books mas está sem tempo ou disposição para ler, aperte o play e ouça o artigo!

Se você tem uma ótima ideia para um e-book com o objetivo sincero de ajudar alguém a resolver um problema, então não há razão para que você adie essa criação.

Com as muitas ferramentas que você pode usar para escrever, organizar, personalizar e publicar e-books, nunca foi tão fácil se tornar um criador deste formato de conteúdo.

Embora seja fácil obter o seu e-book feito e publicado, há uma série de coisas a considerar antes do processo de produção.

Estes incluem detalhes do seu e-book, como qual formato será, onde você pretende vender (ou distribuir gratuitamente), como planeja promovê-lo, quem é seu público-alvo e outros fatores importantes que afetam o sucesso do seu e-book.

Tipos de formato para e-books

 

  • PDF (Portable Document Format)

O formato mais comum de e-book é o PDF. Acesse qualquer site que ofereça um e-book gratuito e você normalmente receberá o brinde em formato PDF.

A maioria dos computadores e até dos dispositivos móveis pode abrir arquivos PDF com um leitor de PDF pré-instalado. Por isso é o formato mais fácil de usar que você pode escolher para um e-book.

 

  • MOBI (Mobipocket)

 

Originalmente usado pelo e-reader Mobipocket, o formato .mobi agora é usado pelos e-readers mais populares, incluindo o Amazon Kindle e os aplicativos Kindle para dispositivos iOS e Android.

Esse formato é visualmente atrativo, pois dá aos leitores comportamentos semelhantes aos livros físicos, como passar para virar uma página e marcar trechos das páginas.

 

  • EPUB (ePublication)

O formato .epub é semelhante ao .mobi, mas é um padrão gratuito e de código aberto para publicação de e-books. Por causa disso, quase todos os e-readers suportam o .epub, incluindo o Amazon Kindle Fire, o iBooks da Apple e o Google Books.

Fazendo seu e-book

Depois de saber que tipo de formato você deseja para o seu e-book, agora você está pronto para iniciar sua produção.

Há duas maneiras de fazer isso:

  1. criá-lo com um software que você pode usar de forma independente ou sem se conectar à Internet;
  2. criá-lo com um aplicativo baseado na web.

Os aplicativos de e-book baseados na web tendem a ter recursos mais simples e amigáveis ​​do que os softwares offline, que são usados ​​principalmente para projetar conteúdo graficamente intenso.

Se você deseja criar um e-book rápido, há vários softwares online gratuitos disponíveis. Por outro lado, se você tem um orçamento para gastar em software para criar um e-book profissional, não há motivo para não usar uma ferramenta mais avançada.

Ferramentas para criar e-books

Aplicativos baseados na web e plugins WordPress para criar um e-book

1. Pressbooks

O Pressbooks parece muito com o WordPress, mas é executado a partir de um site totalmente diferente.

Se você está familiarizado com o WordPress, não deve ter dificuldade em descobrir como tudo funciona. Você pode adicionar e editar capítulos, alterar ou adicionar seções e assim por diante.

Lembre-se de que o Pressbooks é gratuito, mas para remover a marca d’água que será exibida no e-book, você precisa fazer o upgrade para uma versão paga (começa com um pagamento único de US$ 19,99).

2. Beacon (plugin do WordPress)

O Beacon é um plugin para o WordPress que transforma seus posts em e-books. Você pode escolher quais artigos incluir ou filtrar por categoria.

 

O plugin converte posts de blog em formato HTML5 ou PDF. Os recursos de layout também estão incluídos e você pode criar a capa do e-book a partir do painel do Beacon. Este plugin é livre para usar e requer uma conta gratuita no beacon.by.

3. Google Docs

Uma maneira simples de escrever e converter conteúdo em PDF online gratuitamente é usando o Google Docs. Digite seu conteúdo e tenha todas as fontes do Google disponíveis para você escolher.

Ele é sincronizado com sua conta do Google Drive para que você possa trabalhar nele em qualquer dispositivo, desde que você esteja online.

Para trabalhar em arquivos do Google off-line, basta seguir um breve passo a passo e instalar uma extensão do Chrome. Naturalmente, você precisará se conectar à internet para sincronizar as alterações feitas.

Ferramentas de área de trabalho para escrever/criar um e-book

1. Adobe InDesign

Se você estiver familiarizado com o Adobe Creative Suite, o uso do InDesign deve ser mais fácil para você. Caso contrário, você pode precisar passar por alguns tutoriais antes de usar essa ferramenta.

O InDesign é uma ferramenta mais avançada para criar um e-book, principalmente se você quiser que os elementos gráficos e todos os elementos de estilo do seu e-book sejam profissionais.

Para baixar e usar o InDesign, você precisa se inscrever nos planos da Creative Cloud da Adobe. A assinatura de software único do InDesign começa em US$ 19,99/mês, paga anualmente, ou US$ 29,99/mês, paga mensalmente.

2. Kindle Gen

O Kindle Gen é um aplicativo de linha de comando para converter HTML ou qualquer outra fonte de e-book no formato de e-book do Kindle (para vender na Amazon).

Se você estiver familiarizado com o uso da janela de comando, essa ferramenta não será tão difícil. Além disso, há um arquivo LeiaMe que vem com instruções completas para converter arquivos em KPF (Kindle Package Format).

Para usar uma ferramenta mais amigável, faça o download do Kindle Previewer, além do Kindle Gen, e você pode converter outros formatos de e-book no Kindle em uma interface mais fácil.

3. Calibre

O Caliber é um criador de e-books gratuito e multiplataforma que vem com todos os recursos necessários para ajudar os autores a criar seus e-books pessoais com facilidade.

Dê uma olhada nas funcionalidades mais interessantes da ferramenta:

  • Suporta muitos formatos de arquivo e estes podem ser convertidos em documentos de saída.
  • Você também pode editar qualquer um de seus e-books anteriores que tenham sido impressos ou baixados, adicionando ilustrações, descrição do autor, imagens para a capa do e-book e muito mais.
  • Você pode adicionar uma imagem de capa personalizável ao seu e-book usando o criador de capa incorporado.
  • Você pode adicionar tabelas de conteúdo, pesquisa de palavras e também uma opção de substituição.

O Caliber fornece aos autores todos os recursos e funcionalidades essenciais de que precisam para criar e gerenciar e-books com facilidade.

Em busca de um formato mais inovador para seus materiais? Confira a opção de criar um audiobook.

Criar um audiobook

O conteúdo em áudio traz muitos benefícios aos usuários e isso fez com que ele ganhasse destaque entre os formatos preferidos do público.

Se você já publica e-books no formato tradicional, pode experimentar converter os principais em audiobooks. Assim, você abre uma nova possibilidade para o seu público consumir aquele produto.

E não será preciso alterar muito a linha de produção acima. Depois do conteúdo pronto, você pode tanto finalizá-lo na versão e-book tradicional quanto gravá-lo para que ele tenha uma versão em áudio.

Neste post do nosso blog você pode aprender mais sobre o processo de como criar um audiobook.

Os nossos parceiros da Resultados Digitais tiveram resultados excelentes adotando os posts em áudio no blog e também com a criação de audiobooks.

Com o relançamento do e-book ‘Marketing Digital para empreendedores’ nos dois formatos – PDF e áudio em MP3 – após a primeira semana os resultados foram: 2.503 cliques no PDF, 2.021 cliques para baixar o MP3 e 796 plays no streaming. O que destaca uma aceitação positiva do público para o formato de áudio.

Estas foram algumas das ferramentas para criar e-books mais utilizadas e recomendadas pelo mercado. Acesse os seus sites oficiais e confira os conjuntos completos de funcionalidades para ver qual é a melhor escolha para você.

Para entender melhor o comportamento do usuário e como envolvê-lo com seu conteúdo, baixe nosso Kit de Engajamento e confira como gerar mais resultados com sua estratégia de marketing de conteúdo.


Deixe uma resposta